sábado, abril 28, 2007

The Zimmers (Post roubado)




Um grupo formado por 40 idosos - alguns centenários - é a mais nova sensação na Inglaterra. Eles são o The Zimmers (nome em inglês dado ao andador usado pela terceira idade) e gravaram "My generation", do The Who, uma das canções mais conhecidas do rock, que tem na letra o "desejo de morrer antes de envelhecer".

A expectativa é a de que os senhores possam se tornar, a partir do dia 21 de maio - quando lançam o single - a primeira banda da terceira idade a entrar nas paradas de sucesso do Reino Unido. O grupo começou por acaso, com o principal vocalista, o aposentado Alf Carretta, de 90 anos, que ligou para a BBC para reclamar de um bingo que fechara perto de sua casa. O produtor do canal Tim Samuels estava colhendo histórias para um documentário sobre as dificuldades encontradas pela terceira idade na Inglaterra e teve a idéia do cover de "My generation" de bengalas para chamar a atenção para a causa.

A capa do single é baseda na famosa imagem dos Beatles atravessando a faixa de pedestres de Abbey Road e a trupe se reuniu para gravar no lendário estúdio. Tudo com muito bom humor, marca do grupo. A receita de venda do single, que também estará disponível para download, será destinada a instituições beneficentes ligadas à terceira idade.

O videoclipe de "My generation" foi inserido no YouTube no início de abril e já foi visto por mais de um milhão de pessoas e despertou interesse da indústria fonográfica. Os idosos do grupo não imaginavam tanto sucesso. Já há a possibilidade de uma miniturnê pela Europa.

(Post roubado do Solda, hoje, porque vale a pena!)

Acho tudo isso genial! Eu não quero morrer antes de ficar velha. Mas quero ficar velha com alegria e uma vida legal. Talvez seja hora de eu comprar a idéia do velho Alf, e já começar a fazer alguma coisa para que, em 30 anos, a vida dos velhos seja muito melhor do que é hoje. Afinal...todos nós vamos precisar.

Bom findi, crianças.
Não esqueçam: este dia vai chegar!


2 comentários:

Flavia Melissa disse...

concordo, e adoro a idéia!

Fastolf.b disse...

Oh yeah!
To junto